Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Just Mom

Uma autêntica salada russa (eu sei!), mas espero que se divirtam a ler.

Just Mom

Uma autêntica salada russa (eu sei!), mas espero que se divirtam a ler.

03
Mai15

As provas de que hoje é o meu dia

Mom Sandra

Hoje é o Dia da Mãe, para mim é o 11º ano que este dia também é meu... E o 6º ano em que este dia é meu, duplamente.

Desde que ganhei esta personalidade que muita coisa mudou, na minha vida... E desde que me tornei Just Mom, estas três simples letras transformaram-me num ser constantemente requisitado e indispensável.

 

Em jeito de homenagem a todas as Mães que conheço, deixo-vos uma pequena listagem de factos concretos que comprovam o que é ser Just Mom:

  1. Tens a noção de que horas são pelo desenho animado que está a dar;
  2. Atendes uma chamada ao mesmo tempo que limpas o rabo à tua cria;
  3. Tens a televisão ligada o dia todo, mas não fazes ideia do que se passa no mundo;
  4. Acordas a cantarolar músicas infantis;
  5. Achas que, a qualquer momento, a Segurança Social te vem buscar as crias, por causa da gritaria em tua casa;
  6. Ires ao supermercado sozinha tem o mesmo valor que ires a uma festa sem as crias;
  7. Ir ao Facebook é sinónimo de reunião com as amigas;
  8. Cheiras a roupa para teres a certeza se precisas de a trocar, ou se basta passar uma toalhita;
  9. As tuas crias vêm-te nua mais vezes do que o teu marido;
  10. Usas durante dias a mesma roupa, não vale a pena sujar outra;
  11. Finges que tens dores de barriga quando o marido chega a casa, só para poderes ficar um pouco sozinha na casa-de-banho;
  12. Resolves vestir uns jeans e as tuas crias perguntam-te logo: "Onde vais?";
  13. O teu humor varia consoante a duração da sesta das tuas crias;
  14. Consegues limpar a casa toda com um pacote de toalhitas;
  15. Deixares os cabelos soltos é sinal de que, ou vais a algum lado ou vais receber a visita de alguém;
  16. Aqueces a chávena de café vezes sem cinta;
  17. Adormeces mais tarde, ou acordas mais cedo, só para teres o prazer de ver a casa arrumada e ouvires o silêncio;
  18. Passas mais tempo a arrumar ou a tropeças nos brinquedos, do que a fazer alguma coisa de útil;
  19. Tornas-te profissional em comer doces sem fazeres barulho, para que as tuas crias não o percebam;
  20. Tomares um banho sozinha e em silêncio é sinal de recompensa.

 

 

 



28
Mar15

8 Sinais de que foste criado por uma Mãe Portuguesa

Mom Sandra

Descobri mais um blog do Sapo, ontem, enquanto andava a passear pela bela blogosfera, foi o City Lights, da Inês.

Através do seu post Português de Portugal, cheguei a uma página cheia de artigos engraçados - a Matador Network - que é a maior editora de viagens independentes do mundo (segundo eles).

Um dos artigos que me chamou a atenção, não fosse eu Just Mom, foi:

 

 

 

8 sinais de que foste criado por uma Mãe Portuguesa

 

  1. Sabes que fizeste alguma coisa errada quanto te chama pelos dois primeiros nomes - quase todos os portugueses têm dois nomes próprios. O segundo é para uso exclusivo da mãe, quando está realmente chateada com alguma coisa que os filhos fizeram.
  2. Arriscas-te a ser apanhado pelo Papão se não fores para a cama a horas - esta figura imaginária é muito popular entre as mães portuguesas e costumam evocá-la sempre que os filhos se recusam a ir para a cama a horas. É-lhes dito que, se uma criança ainda está acordada quando o Papão aparece, ele leva-a para longe e nunca mais voltam para casa.
  3. Uma tigela cheia de água e com umas gotas de azeite é a cura para todos os maus-olhados - as mães chamam-lhe benzedura. Dizem que trata o mau-olhado, algo que se pode apanhar facilmente na rua, quando alguém te olha com maus pensamentos. Sempre que têm mau-olhado é imperativo que esta mezinha seja feita, pois, de outra forma, há fortes probabilidades de se tornar numa doença séria.
  4. Sentes-te culpado quando deitas pão para o lixo - o pão é um símbolo cristão importante uma vez que representa o corpo de Cristo e Portugal ainda é um país com uma forte tradição cristã. Mesmo em famílias que não sejam religiosas, a mãe recomenda sempre que se beije o pão antes de o deitar para o lixo, pois é uma forma de pedir perdão a Deus por estarem a maltratar o corpo do seu filho.
  5. Conheces 1001 formas de cozinhar bacalhau - cada mãe tem uma forma particular de cozinhar o bacalhau e melhora orgulhosamente a sua habilidade em cada nova receita. Inevitavelmente, os filhos acabam por aprender belos truques sobre como cozinhar bacalhau.
  6. Amido de milho doce é a cura mágica para todos os males da alma - o melhor remédio para quando os filhos se sentem tristes é sentarem-se à mesa enquanto esperam que a mãe cozinhe um prato quente de amido de milho com raspas de limão, canela e açúcar e lhes diz que vai tudo ficar bem.
  7. Quando estás longe de casa durante muito tempo, começas a desejar sopa de feijão e repolho - esta sopa é uma presença regular nos menus de todas mãe. É um prato reconfortante e não há sopa igual, nem melhor, em todo o mundo.
  8. Tremes quando vês a tua mãe abrir a carteira para mostrar fotos tuas aos teus amigos - todas as mães portuguesas trazem fotografias dos seus filhos na carteira. Normalmente são fotos deles em bebés ou em situações humilhantes.